Ray e a Literatura Ray Cruz partiu há alguns dias. Suicídio. E não queremos falar nisso por enquanto, por respeito, por falta de entendimento, por tato, por estarmos chateados. Por …

Intro A Appaloosa lançará amanhã, Quinta (22) o livro “Ardências – Primeiros Amores & Desvarios”, livro de poemas de Roge Weslen. Antes que isso aconteça, entrevistei o cara pra sabermos melhor …

      Era um breu interminável, nada atingia minhas papilas gustativas, eu não tinha mãos, nem pés, não tinha cabeça, o breu não cheirava a nada, era algo de …

Clarice Sabino lançará – nesta Quarta Feira (7) – seu novo livro “Em Tuas Mãos” aqui na Appaloosa, e eu conversei com ela ontem através de uma longa conferência-entrevista afim …

A Appaloosa está de cara nova, e completamente reformulada, e este post trata dos detalhes desse processo. Há 1 ano e 6 meses atrás eu inaugurei a Appaloosa. A idéia: …

É sobre uma velha esperança, aliás, é sobre algo que pouco sei o nome, mas chamo de esperança. É sobre qualquer coisa que dentro de mim se mexe, sobre qualquer …

Jaqueta, tênis de fábrica, camiseta simples e eu revestido por tudo isso andando pela noite aqui na minha cidade, minhas mãos estavam no bolso se esfregando em resto de farelos …

Sai de casa sem esperar por nada, como sempre saio, um passo após o outro, seguindo os Petit Pavet da calçada, e dando um passo, depois outro, depois outro, com …

Os Abraços Perdidos, romance de estreia do catarinense, João Chiodini, trata da tumultuosa relação pai e filho. Trata da difícil relação entre pai e filho, pela perspectiva de Pedro, visto tendo de cuidar do pai doente e de lidar com a notícia de uma gravidez indesejada. Os distanciamentos provam-se aproximações e a crueza dos dias e das obrigações vai simplesmente acontecendo. Um romance bruto, curto e certeiro.

Quando você partiu eu fiz compressas de gelo Para aliviar a dor da saudade na pele Você escancarou ao mundo o meu medo de abismo E o meu choro você …

Resenha de Demônios Domésticos, livro de crônicas, de Tiago Germano. Nas crônicas que abarcam a inocência da infância no descobrir de um novo mundo, revelam as tentativas de entender a morte, as ausências, as lógicas do sagrado e do sacralizado. Se há um certo olhar melancólico, há também humor, não aquele escrachado, cheio de piadinhas e apelos aos estereótipos. Tiago expõe as pequenas indiscrições que preferimos manter escondidas. E, claro, há amor, não aquela coisa melosa, esquisita, adolescente, mas visto com admiração, sutileza e verdade.

Resenha de Glitter, romance de Bruno Ribeiro, pela Editora Moinhos.

Resenhei Cada Forma de Ausência é o Retrato de uma Solidão (Moinhos), segundo livro de contos do cearence Marco Severo, que em vinte e dois contos provoca-nos o desconforto de sorrisos em momentos constrangedores, emociona ante o refinamento com trata e desnuda nossas idiossincrasias. Vale a pena conferir.

Histórias Nada Sérias, de Maria Valéria Rezende, reúne 24 contos escritos para as reuniões do Clube do Conto da Paraíba, que reunia um grupo de autores em João Pessoa. A cada reunião era escolhido um tema e os participantes traziam suas produções para serem lidas, criticadas ou elogiadas uns pelos outros, numa espécie de grande oficina colaborativa de escrita criativa. Valéria menciona que se tratava de uma oportunidade única de aprendizado. Para o leitor, também cabe aprender e divertir-se com as histórias aqui reunidas.

Nathalie Lourenço é paulista e autora de Morri por Educação (Oito e Meio) e de outros contos publicados em sites, revistas e antologias. Falamos sobre seus contos, autores estimados, processo criativo e literatura contemporânea.

eu sempre soube que domingo eram dias tristes. mais do que qualquer outro dia mais tristes do que as segundas mais do que meu olhos tontos mas do que os …

“A jangada balançou com força dessa vez, quase virou. O peixe tinha pressa, fome, atitude; Odílio, apenas medo.” Conto de Leonardo Bruno sobre a luta de um pescador pela sobrevivência.

“Você me pergunta se o tradutor é um dos últimos cavaleiros andantes de nosso tempo. Não, respondo que não. O tradutor se assemelha mais ao cavalo de Quixote, à Rocinante. …

O Berro do Bode, novo livro de contos de Verena Cavalcante, traz o feminino em suas muitas intercessões. Sagrado e profanos, selvagem e civilizados, violento e amoroso, tudo em simbiose e catarse. Como quando somente as trevas é capaz de revelar a luz.

coração subjetivo-abstrato adocicado invadido comido-devorado usado-subjugado por ser doce demais num mundo dominado por formigas devoradoras-canibais que em forma estratégica se posicionam para que não sobrem pedaços banais de açucarados-poéticos …

Foto: Rafael Passos

Recentemente, o escritor Roberto Menezes lançou o conto A Fragrância dos Loucos (Apaloosa Books), que traz um poeta que se envolve em uma aventura romântica permeada pela loucura, sordidez e volúpia. Convidei-o para conversarmos um pouco sobre a obra e seus desdobramentos. Falamos sobre o mundo literário, oficinas de escrita criativa e temas correlatos.

A Bahia é um estado gigantesco e plural – como dizem os baianos, é do tamanho da França – e, portanto, um caldeirão de influências, sotaques, cultura. Contudo, há uma Bahia mítica, cuja imagem é bem elaborada nas lestras de Caymmi e nos romances de Jorge Amado, povoado por figuras anônimas e comuns se vistas de longe, mas interessantes, ricas, folclóricas quando nos aproximamos. Essa gente que parece ficção está nos noticiários, nas ruas, nos canais do YouTube e protagonizam as Contações (Patuá), do poeta e escritor soteropolitano, Tiago D. Oliveira. 

Por: Ivã Habib Ferreira LISA SIMPSON: A Nerd, leitora voraz, toca saxofone como ninguém, meio ríspida, fala a primeira coisa que lhe vem em mente, é bem direta em seu …

Agonia na Tumba, romance do paraibano Tarcísio Pereira, narra a história de bon-vivant enterrado vivo. É dentro do túmulo que começa a reconstituir as possíveis causas de sua morte e fragmentos de sua própria vida e relacionamentos. Escrito com habilidade, é um ótimo romance a ser descoberto e lido.

poesia

   

Por: Ivã Habib Ferreira Anos 70. Estados Unidos da América. Os direitos civis de negros, lésbicas e de toda a comunidade LGBT são reprimidos. Brasil. 2016. Filme é represado pela …

Poderia dizer que Ascensão e queda (Cepe), de Wander Shirukaya, é sobre a trajetória de uma banda de rock do anonimato ao estrelato, mas seria simplista e equivocado pensar assim. Em …

Havia sido um dia corrido. Eu tava cansado, não só do dia, mas do mundo, dos carros, do cinza dos prédios, dos olhos tristes perambulando nos rostos que passavam pelas …

Esses dias eu estive de frente aos entulhos do prédio que desabou em São Paulo no largo do Paissandu. Acompanhei através das mídias o ocorrido e sem dúvida é algo …

Para início de conversa, se você que me lê chegou aqui esperando uma crítica literária, deixe-me dizer que não é esse o caso. Não tenho aptidão técnica para desempenhar tal …

Minha casa tá suja, muito suja mesmo pra te ser sincero. Tem umas telhas de aranha no teto, isso me incomoda há um tempo, mas nunca as tirei, já viraram …